Páginas

domingo, 5 de junho de 2011

O vento e a brisa

O vento que veio
não foi o mesmo
que te levou pra
tão longe daqui.

A brisa que
te trouxa
não foi a mesma
que te molhou
os meus olhos
quando chorei.

Agora resta saber          
se tudo
valeu a pena
ou se é melhor
esquecer.

Devo continuar
esperando
ou desistir de
uma vez?

O que me fortalece
é saber que
mesmo distante
você continua
diante
de tudo o que
sinto, e só por isso
espero por um novo
início!

Nenhum comentário:

Postar um comentário